Sabia que desde março do ano passado o YouTube suporta vídeos filmados em 360 graus? Bom, se você não sabia, pode ter certeza: gravadoras e artistas independentes estão por dentro da novidade.

Desde que a ferramenta foi lançada, tá rolando uma série de videoclipes panorâmicos no site. A tecnologia é incrível e permite que a gente escolha o ângulo do qual queremos ver o clipe. Arrastando o mouse dá pra girar a câmera e dar uma volta completa nas imagens. Assim, conseguimos ver não só o foco principal do vídeos como também o que está acontecendo ao seu redor. Basicamente nos tornamos a câmera no videoclipe e, dessa forma, conseguimos imergir e descobrir os mínimos detalhes da gravação. Separamos 6 clipes pra você mergulhar (quase literalmente) nesse universo: 

ATENÇÃO, JOVEM: se você está lendo esse post no celular, baixe o aplicativo do YouTube (se ainda não tiver) para conseguir experienciar os vídeos. A ferramenta de interatividade, infelizmente, só funciona no aplicativo em smartphones. Já no computador é preciso estar utilizando o Google Chrome como navegador para que a ferramenta funcione 😉

1. “Stonemilker”, Bjork

Existe alguém melhor pra começar esse post do que a Bjork? Definitivamente não. Desde que Bjork é Bjork, nós vemos a islandesa utilizando as novas tecnologias pra aprimorar o seu trabalho, e nesse caso não foi diferente. No ano passado, a artista largou na frente da concorrência lançando o clipe de “Stonemilker”, do álbum Vulnicura, em 360 graus. O vídeo foi gravado em uma praia da Islândia e tá fresquinho, refrescante demais!

2. “Waiting For Love”, Avicii

Até o lançamento de “Waiting For Love”, do Avicii, a maioria dos clipes panorâmicos e interativos vinham sendo gravados com uma série de câmeras Go Pro espalhadas pelos sets de filmagem. O diretor Kur Scheneider ajudou a dupla sueca a inovar nesse sentido, pois o clipe de “Waiting For Love” foi gravado com um dispositivo que acopla DEZESSEIS câmeras panorâmicas em apenas uma. O resultado é um clipe AINDA mais sofisticado que o da Bjork e muita dança pra preencher nosso coração de alegria. E, claro, 17 milhões de views no YouTube!

>

3. “Revolt”, Muse

“Drones”, último álbum do Muse, e da pra perceber de cara que é sobre tecnologia. Pra quem não sabe, o nome do disco faz referência aos aviões controlados remotamente que podem servir tanto pra entregar pizza quanto como arma de guerra. E o melhor: o tema não ficou apenas no nome do álbum ou no conteúdo das músicas, ele também foi utilizado nos clipes da banda. O clipe de “Revolt”, por exemplo, foi lançado exclusivamente no Apple Music, é interativo e ainda foi gravado com drones em Praga, na República Checa. O vídeo traz temas como vigilância e insegurança na web à tona e foi apelido de “ópera cyber-punk” pelos fãs 🙂

4. “You’re In The Band”, School Of Rock

Quem lembra de Escola de Rock, de 2003? O filme que foi o preferido da infância de muita gente, virou musical da Broadway em novembro do ano passado e, de quebra, ganhou um vídeo interativo pra música “You’re In The Band” (“Você Está na Banda”, em português). No clipe interativo, você realmente parece estar na banda, e assim como na experiência do musical, onde nós podemos escolher pra que lado do cenário olhar, no vídeo também dá pra navegar pela sala de aula em que o ensaio está rolando.

5. “The Hills Remix feat. Eminem”, The Weeknd

Quem também apostou na realidade virtual foi Abel Tesfaye, o garoto por trás do The Weeknd. O clipe do remix da música “The Hills”, com participação especial do rapper Eminem, foi feito em colaboração com a GoPro. No vídeo, o canadense está cercado pelo caos e os fãs podem se movimentar pelo cenário e ver cenas que o envolvem. Pra descobrir quais, dê play!

6. “Chapita”, Mind Enterprises

O clipe de “Chapita”, da Mind Enterprises, utiliza a tecnologia 360 graus pra mexer com a nossa cabeça. No clipe, uma dançarina ganha vários clones que fazem coreografias e usam vestidos de cores diferentes em um mesmo cenário. O uso da tecnologia é simples, mas ficou louco e divertidíssimo. E, não podemos negar, a música também ajudou a gente a se apaixonar por esse clipe 🙂

Comentários estão fechados.