Sabe aquela vontade de viajar mais ou até mesmo de ver mais shows que você transformou em meta lá no começo do ano? Pois bem, ainda dá tempo de tirar essas vontades do papel! Reunimos uma seleção de 10 festivais incríveis fora do eixo Rio de Janeiro – São Paulo pra quem curte viajar e, de quebra, curtir uns shows incríveis.

_  FESTIVAL RADIOCA

O Festival Radioca acontece em Salvador, na Bahia, desde 2015, e tem a sua programação baseada “na música que você ainda vai ouvir”. Fruto de um programa de rádio de mesmo nome, o festival chega a sua quarta edição com a missão de misturar no line artistas baianos que estão desapontando ou em reinvenção na carreira e artistas ou shows inéditos na capital baiana. Esse ano, o Radioca ganha mais um dia e acontece na Praça Quincas Berro D’Água, no Pelourinho. Letrux (SP), Larissa Luz (BA), Don L (CE) e Academia da Berlinda (PE) são algumas das atrações confirmadas pra essa edição que acontece nos dias 9, 10 e 11 de novembro. Um pouco da última edição:

_ MECA FESTIVAL

O MECA nasceu no litoral do Rio Grande do Sul, mas já viajou muito por esse Brasil: São Paulo, Rio de Janeiro e até mesmo Inhotim – um museu a céu aberto que fica em Minas Gerais – já receberam edições do “maior menor festival brasileiro”. Você deve estar se perguntando o porque desse apelido. A gente explica: o MECA aposta em line ups de bandas que ainda não bombaram por aqui, mas que tem um SUPER potencial. Vampire Weekend, Friendly Fires, Two Door Cinema Club e Years & Years são alguns dos exemplos que passaram pelo festival quando ainda eram pouco conhecidas no Brasil.   A Youcom apoia tanto a ideia que foi patrocinadora do festival em 2014. Aqui um gostinho do último MECAInhotim, que rolou em junho:

E, fica ligado, porque esse ano datas ainda irão rolar! Esse final de semana, no dia 22 de setembro, rola o MECABrennand pela primeira vez no Recife. Sobem ao palco nomes como Duda Beat, Letrux e Mundo Livre S/A. Já dia 3 de novembro o MECA volta pra Fazenda Pontal, em Maquiné, no Rio Grande do Sul, onde tudo começou. Nessa edição rolarão bandas como Warpaint, Mallu Magalhães, Teto Preto, Catavento e muito mais. E pra fechar o ano com chave de ouro, o festival ainda pousa no dia 17 de novembro na Urca, no Rio de Janeiro, e dia 19 de novembro no Brás, em São Paulo, trazendo a cantora americana Kelela. Anotou tudinho? 🙂

_ FEBRE: FESTIVAL E CONFERÊNCIA DE MÚSICA

Sorocaba é nacionalmente conhecida pelo seu carnaval efervescente, mas o que muita gente não sabe é que a cidade encontrou outras maneiras de ocupar as suas ruas. Uma das iniciativas nesse sentido é o festival e conferência de música Febre.  E, realmente, uma das partes mais legais do festival é o seu potencial itinerante já que esse ocupa diversas casas de shows, praças e parques da cidade enquanto está acontecendo. Nele produtores, jornalistas, pensadores, mentes inquietas e, claro, fãs de música se encontram pra ouvir e falar de música desde 2014. Esse ano, o Febre acontece dos dias 17 a 21 de outubro e vai reunir no seu line nomes como Rincon Sapiência, Francisco, El Hombre, Anelis Assumpção e Curumim.

_ NO AR COQUETEL MOLOTOV

O No Ar Coquetel Molotov é um dos festivais mais queridos do Recife e esse ano completa 15 anos. Nesse meio tempo foram mais de 200 shows e edições especiais que invadiram Belo Horizonte, Salvador e Fortaleza. Pra comemorar, a festa na terra natal do festival rola nos dias 17 e 18 de novembro no Caxangá Golf Club. Como de costume, o festival vai reunir atrações locais, nacionais e internacionais em diálogo com outras linguagens como o cinema, a moda e  até mesmo um encontro de Vogue! No line estão confirmadas revelações como Luedji Luna, Maria Beraldo, Djonga e Duda Beat. E pra aquecer, no dia 15 de novembro rola um show especial da diva pop Azealia Bank pra começar as comemorações. 

_ MORROSTOCK

O Morrostock foi criado em 2007 e sua primeira edição aconteceu em Sapiranga, no Rio Grande do Sul. Mas desde 2016, ele se mudou pro Balneário Ouro Verde, um lugar mágico, cheio de árvores e sem internet, pertinho de Santa Maria. Segundo o Paulo Zé, fundador do festival, um dos motivos dele existir é mostrar que é possível fazer um festival em que o objetivo não é necessariamente lucrar, mas unir pessoas e promover música.

E é isto que rola por lá mesmo, durante o final de semana do festival, o pessoal acampa e curte de sexta à domingo um festival feito pras pessoas. Durante o evento, além dos shows ainda rolam trilhas pelo local e oficinas, em sua maioria, voltadas, a sustentabilidade. Esse ano, o Morrostock rola dos dias 30 até 2 de novembro e tem confirmados no line Letrux, Cordel do Fogo Encantado e Dingo Bells.  

_ FESTIVAL MADA

O festival MADA, abreviação pra Música Alimento da Alma, foi um dos primeiros festivais brasileiros a apostar no movimento indie que lá em 1998, quando o festival foi lançado, a recém começava a mostrar a sua cara em terras tupiniquins. Enquanto nem todo o festival brasileiro abria espaço pra esse nicho ou acontecia fora do eixo Rio-São PAULO, o MADA apostou no underground nesses 20 anos de existência e construiu um público fiel ao trazer pra Natal mais de 600 shows de artistas independentes brasileiros, americanos, franceses, uruguaios, canadenses e muito mais.

Esse ano, o MADA comemora duas décadas com um line de peso e, o melhor, o rolê acontece dia 12 e 13 de outubro – sendo 12 um feriado. Um dos principais destaques dessa edição são os escoceses do Franz Ferdinand, mas o line up ainda conta com bandas que fizeram parte da história do festival como a cantora Pitty, que se consagrou no MADA. Além disso, shows muito elogiados em outros festivais como os de BaianaSystem, ÀTTØØXXÁ e Francisco, El Hombre vão rolar na Arena das Dunas.

_ FESTIVAL SE RASGUM

Nos últimos anos, a música do Pará chegou há mais cantos do Brasil cantada por artistas como Gaby Amarantos e Jaloo. O Se Rasgum é um dos festivais mais importantes da região norte do Brasil e está muito ligado à esse processo de alimentar a cadeia produtiva e cultural do Pará e ao mesmo tempo ser uma vitrine da música paraense pro resto do país. E esse ano o festival que está na atividade há 13 edições chega em um formato diferente: além dos três dias de shows no Insano Marina Club, pra começar a entrar no clima, o Ziggy Club vai ter dois dias de esquenta com shows especiais. Ou seja, o festival que antes tinha 3 dias confirmados, passou a ter 5! Céu, Carne Doce, Metá Metá, Letrux e Linn da Quebrada são algumas das atrações que não dá pra perder 🙂

_ FESTIVAL DOSOL

O Festival DoSol é potiguar, mas também é do país inteiro. Chegando na sua 15 edição, ele promove um baile de debutantes que mostra o seu tamanho: entre setembro e novembro, realiza cerca de 150 shows e ocupa casas do Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste com objetivo de fortalecer a cena do Rio Grande do Norte e criar um intercâmbio entre artistas de mais de dez estados brasileiros. Antes de desembarcar em Natal, no dia 21 de outubro, o festival passa por Brasília e São Paulo. Mas os shows mesmo se concentram nos dias 24 e 25 de novembro no Beach Club. Pra conhecer melhor a história do festival, saca só esse vídeo:

_ MIMO FESTIVAL

Segundo o dicionário, mimo significa “agrado, carinho, atenção especial de alguém a outrem”. E não teria como o festival de mesmo nome se chamar de outra coisa. Desde 2004, o MIMO Festival valoriza e dá carinho pra cidades históricas do Brasil, descentraliza o acesso à cultura e a disseminação da música em igrejas, museus, parques e teatros de Paraty, Olinda, São Paulo, Rio de Janeiro e Amarante, em Portugal. 

E o melhor de tudo: na faixa, 0800, de graça – como você quiser chamar. Na edição de 15 anos, que rola nos dias 28, 29 e 30 de setembro, artistas nacionais e internacionais se apresentam no palco da Praça da Matriz ou na Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios, em Paraty! Cordel do Fogo Encantado, Letrux e os colombianos do Systema Solar são algumas das atrações confirmadas.

Gostou desse conteúdo e curte música? Então nos segue lá no Spotify, sempre estamos atualizando nossas playlists com novidades legais 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *