Hospedar-se no Pantone Hotel, em Bruxelas, vale por uma sessão de cromoterapia. O “cardápio de ambientes” deste hotel, localizado na capital da Bélgica, permite ao viajante escolher onde vai dormir pela cor. São 59 opções de quartos, dos monocromáticos aos mais coloridos.

11

Enquanto os tons quentes (vermelho, laranja, amarelo…) trazem energia e estímulos, os frios (azul, verde…) acalmam e são recomendados para quem quer descansar. O rosa é proposto aos casais que procuram uma noite romântica, e o marrom surge como opção para as pessoas que procuram conectar-se com a terra (no sentido figurado, claro).

22

Corredor laranja: melhor evitar se a intenção for descansar

3

As cores usadas em cada quarto são representadas na parede pelas tradicionais cartelas da Pantone, ligando o tom a seu respectivo código de identificação

44

Até as bicicletas você pede pela cor

Nas áreas comuns, como o restaurante e a recepção, predominam as misturas de tons.

Diga qual é sua vontade e receba o diagnóstico da melhor cartela de cores para o seu caso – feito pela maior autoridade do mundo no assunto: a Pantone.

wgsn_logo

Fotos: Reprodução

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *