Olha só a sinopse: garota sem grana do Brooklyn tenta entender o que quer fazer da vida enquanto se debate com relacionamentos-problema. Parece Girls, a série criada por Lena Dunham, mas também serve para definir Frances Ha, filme do diretor americano Noah Baumbach (de A Lula e a Baleia) que já está em cartaz em várias cidades do país.

brooklyn_francesha2
À direita, Frances, representada pela californiana Greta Gerwig, acompanhada da atriz Mickey Summer, que vive sua amiga Sophie

A garota é vivida por Greta Gerwig, uma atriz de 29 anos que escreveu o roteiro junto com Noah e que não é muito diferente de sua personagem (#lenafeelings de novo!). O filme é bem legal – uma versão de Girls com astral mais pra cima –, e é um dos indícios de que o mercado de entretenimento quer ganhar dinheiro em cima dos mais de 5 milhões de fãs que a série de Lena conquistou.

Outro indício: saiu em julho, na gringa, Brooklyn Girls (Editora St. Martin’s Griffin), o primeiro de uma série de livros que conta a história de cinco garotas recém-formadas do bairro. “Elas dividem o mesmo apartamento, enquanto tentam lidar com o amor e a vida adulta”, diz a autora, Gemma Burgess. Outra novidade é um reality show com jovens que moram em Greenpoint (a região do Brooklyn onde vive Hannah, a personagem de Lena Dunham!).

francesha_arte_blog

É, parece que o gênero é mesmo uma boa aposta. E a gente espera que venha muito mais por aí (#welove).

wgsn_logo

 

Images: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *